Resenhas

O Cristão e a Universidade

Capa do Livro O Cristão e a Universidade

Se me perguntassem qual o problema do cristianismo hodierno? Por que somos tão fracos na fé, aguentamos tão pouco os desafios da vida, somos tão inconstantes no chamado divino para nossa vida? Eu responderia apenas com um versículo: “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei para que não sejas sacerdote diante de mim.” (Os 4:6 a,b)

Como lutar contra um inimigo potencialmente fatal para fé sem nem sabermos quem ele é? Ou pior, sem sabermos quem somos como cristãos e quem é Cristo de fato? Como forjar uma visão de mundo cristã (cosmovisão) sem entendermos as primícias anteriores? É claro que nossa carne continua sendo um de nossos piores inimigos, ainda mais quando incitada pelo Diabo e os seus. Mas além disso, as ações de nossos inimigos espirituais muitas vezes se desenvolvem no que a Bíblia chama de “mundo” (entende-se aqui por mundo, o sistema mundano) e é exatamente ele o nosso principal desafio concreto hoje. Quantos já ouviram falar em pós-modernismo e o enxergam no seu dia-a-dia? Confesso que eu sou um desses.

O pós-modernismo é simplesmente uma das piores expressões que já existiu de um sistema antagônico a Cristo. Trata-se de uma das piores maneiras de ser, pensar, filosofar e ver a vida, portanto, uma cosmovisão extremamente nociva a todo e qualquer ser humano. E o pior, é que tal cosmovisão está presente em todos os lugares, inclusive na academia, onde nasceu após anos, séculos de reflexão filosófica mundana. O pós-modernismo nos rodeia, e caso não seja devidamente combatido nos envolve e destrói. É em tal “covil”, perdoe-me a forte expressão, que nossos jovens passarão boa parte de suas vidas ao ingressarem nas universidades.

Diante do exposto, a necessidade de uma defesa e preparação intelectual da fé urge. Nesse contexto destaca-se a importância da atuação da apologética cristã eficaz e que o livro “O CRISTÃO E A UNIVERSIDADE” do irmão em Cristo, ministro do Evangelho, jurista e teólogo Valmir Nascimento é uma literatura que pode contribuir sobremaneira para tal finalidade. Com um encadeamento de ideias, deveras cativante, esclarecedor, cirurgicamente pensado, o autor introduz o tema da necessidade da apologética cristã para a sobrevivência do jovem cristão universitário, caminha pelas origens do anti-intelectualismo cristão, pela necessidade de uma cosmovisão autenticamente cristã, pela contribuição cristã para origem das universidades, pela definição da pós-modernidade, pela apologética prática, findando com conselhos práticos para o evangelismo universitário.

Trata-se de um livro riquíssimo em ideias. Um verdadeiro instrumento para jovens, pais, pastores e evangelistas. Há um notável rigor acadêmico em referências, tornando-o um mini-compêndio de excelência cristã. Memoráveis cristãos como C.S.Lewis, Norman Geisler, William Lane Craig, Charles Colson, Nancy Pearcey, Francis Schaeffer, Lee Strobel, Ravi Zacharias, D.A.Carson, John Stott, entre outros, são citados. Para quem desconhecia a muitos desses, como eu outrora, é uma valiosa oportunidade de conhecê-los e assim tornar-se instruído numa apologética saudável.

Recomendo este livro a todos os cristãos de fé sincera que, ardentemente, desejem amar a Deus de todo seu coração, alma, pensamento e intelecto (cf Mt 22:37), bem como a todos os que sinceramente amem seus filhos, se preocupam com eles e queiram vê-los crescer saudavelmente em um mundo caído e destroçado pelo pecado. Igualmente, recomendo este livro a todos que se preocupem com o futuro da igreja e de sua geração e estão inquietos por fazer mais para Deus antes que a noite venha em que não se pode trabalhar (Jo 9:4b).

 

Detalhes do Livro

O Cristão e a Universidade
Autor:
Valmir Nascimento
Editora:
CPAD; 1ª Edição (13 julho 2016)
Número de páginas: 264 páginas
Comprar LivroComprar e-Book


Breno Luis Rocha Santos é pediatra e parceiro do Chi Alpha Campinas, São Paulo, Brasil.